menu
spacer
menu Home  
 
  NOTICIAS recentes

Uma categoria em plena afirmação

foto•    Rui Serpa (Rage) defende título conquistado em 2011
•    João Lopes (Polaris) é a grande novidade
•    Categoria Promoção para fazer face à crise

Arranca amanhã no Algarve mais uma edição do Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno a terceira para a disciplina dos Buggy e UTV. Estão inscritos 17 concorrentes entre os quais quase todos os protagonistas da temporada 2011.

O Campeão Nacional Rui Serpa, aos comandos de um Rage, encabeça a lista de inscritos onde a grande novidade é a presença de João Lopes, aos comandos de um Polaris. Por várias vezes campeão nas Moto4, o piloto de Torres Vedras aposta agora na luta pelo título nesta jovem disciplina.

Outros candidatos ao título, e naturalmente à vitória na Baja Carmim, são Sérgio Silva, Jorge Monteiro e Marco Melo todos eles pilotos que se apresentam aos comandos do “americano” Polaris RZR XP 900. Quanto ao “inglês” Rage, Avelino Luís assume-se também como candidato às primeiras posições depois da estreia em 2011 enquanto Mário Ferreira e Nuno Ferreira ingressam na equipa Rage Motorsport ao lado do campeão Rui Serpa.

De construção nacional é o JB Racing pilotado por Jorge Branco que se junta a Carlos Esteves e António Estevão, pilotos da Can Am, como outsiders do duelo Rage vs Polaris. Dorothee Ferreira continua a ser a única senhora inscrita, enquanto na Categoria Promoção destinada a veículos com menor performance e custos mais reduzidos a aposta incide claramente nos modelos chineses que serão pilotados por Pedro Almeida, Sérgio Brás e Gonçalo Porelo.


Campeonato Nacional 2011
Absoluto: 1º Rui Serpa, 131 pontos; 2º Manuel Agonia, 98; 3º Sérgio Silva, 96; 4º Jorge Monteiro, 91;
Buggy 1: 1º Luís Ramalho, 147 pontos; 2º Pedro Almeida, 110; 3º António Brás, 88; 4º Gonçalo Porelo, 65.
UTV 1: 1º José Denis/Luís Santos, 138 pontos; 2º Carlos Miranda, 88; 3º Mário Ferreira, 63.
UTV 2: 1º Rui Serpa, 134 pontos; 2º Jorge Monteiro, 93; 3º Tiago Cunha, 93; 4º Sérgio Silva, 76.
Open: 1º Manuel Agonia, 125 pontos, 2º Márcio Estêvão, 62; 3º Jorge Branco, 44; 4º António Ferreira, 22.
« Voltar
os nossos CLIENTES
a sua NEWSLETTER
  © 2006 A2 comunicação. Todos os direitos reservados